powered by

Veículos elétricos seduzem portugueses e podem liderar mercado já em 2030

Relatório de mobilidade realizado pela LeasePlan e pela Ipsos mostra que os veículos elétricos estão a conquistar os portugueses e poderão dominar o mercado nacional em 2030.

Os portugueses estão cada vez mais rendidos aos encantos dos veículos elétricos. A LeasePlan, em conjunto com a Ipsos, uma das principais empresas internacionais de pesquisa, lançou a edição “VE & Sustentabilidade” do seu Relatório Annual Mobility Insights, estudo demonstrativo do apoio recorde para os veículos elétricos (VE), com mais inquiridos do que nunca a considerar a mudança para estes modelos de zero emissões poluentes.

O relatório, que contou com a participação de mais de cinco mil condutores, em 22 países, entre eles Portugal, conclui que dois em cada três condutores têm uma atitude (muito) positiva em relação aos veículos elétricos, que mudou para melhor nos últimos três anos, com Portugal a ser o país do relatório com a atitude mais positiva e 77% dos portugueses a acreditar que, em 2030, a maioria dos novos veículos serão elétricos ou com emissões zero.

No nosso país, 87% dos inquiridos afirma ter uma atitude muito positiva sobre os VE, 9% tem uma atitude neutra e apenas 4% tem uma atitude muito negativa. Confirmando o interesse dos portugueses pelos VE, 49% respondeu que provavelmente/quase de certeza o seu próximo carro será um elétrico, 31% talvez mude para um elétrico e 20% referiu que provavelmente/quase de certeza não mudariam.

Sabia que…

segundo o Relatório Annual Mobility Insights, 51% dos que planeiam comprar automóvel, nos próximos cinco anos, citaram a insuficiência de infraestruturas de carregamento (seja em casa, no trabalho ou nas estradas públicas) como impedimento para escolher um veículo elétrico?

A redução nas emissões de CO2 é a razão referida por 59% dos portugueses para comprar ou fazer um renting de um veículo elétrico, seguido dos custos de manutenção mais baixos (57%) e dos subsídios governamentais/benefícios fiscais (41%).

Para 64% dos portugueses inquiridos, o preço de aquisição é o maior impedimento para a compra de um carro elétrico, seguido pela autonomia limitada (55%) e pela insuficiente estrutura de carregamento (38%).

Em termos globais, o relatório concluiu que, apesar do crescente interesse em VE, os inquiridos estão cada vez mais preocupados com a falta de infraestruturas de carregamento, referindo a falta de postos como um dos maiores bloqueios que os impede de fazer a mudança.

Mais sobre a LeasePlan aqui.

Secção patrocinada por empresas que apoiam jornalismo de qualidade
SKFATA_store_300x150_m2liquimoly_300x150_mLogo_Mewa_300x150FUCHS_logo_300x150_mimporspeed_300x150

artigos relacionados

Últimas

Lubrificantes

Lubrificantes