powered by

Sika terá novo CEO a partir do próximo dia 1 de maio

Thomas Hasler foi nomeado novo CEO da Sika, com efeitos a partir do próximo dia 1 de maio, numa altura em que a empresa divulgou os resultados financeiros do ano fiscal de 2020.

O atual responsável de negócio global e indústria da Sika, Thomas Hasler, será, dentro de pouco mais de dois meses, o novo CEO da empresa, sucedendo a Paul Schuler. Com um percurso de 32 anos ao serviço da Sika, Thomas Hasler faz parte do conselho de administração desde 2014.

“Os últimos anos na gestão do grupo permitiram-se contribuir, significativamente, para a definição e implementação da nossa estratégia, na qual estou profundamente envolvido e totalmente comprometido em continuar a sua execução de modo a alcançar os objetivos definidos”, revelou o novo CEO.

Acrescentando que “é cultura única da Sika, baseada nos nossos valores e princípios, com forte empoderamento local e espírito empreendedor, que permite um nível de engagement excecional dos 25 mil colaboradores de que dispomos e atingir os resultados que alcançámos, mesmo em condições extraordinárias”.

Ora é precisamente sobre resultados que a Sika divulgou, ontem, os mais recentes dados financeiros alusivos ao seu exercício fiscal de 2020, “ofuscado” pela pandemia de covid-19, que afetou seriamente os setores da construção e automóvel, onde a empresa opera.

Apesar das condições adversas, a Sika obteve, ainda assim, resultados recordes. As vendas aumentaram 3,4% na moeda local (francos suíços). Devido aos efeitos negativos desta, assistiu-se a uma ligeira queda nas vendas em francos suíços (-2,9%) em comparação com o exercício anterior.

O lucro operacional (EBIT) cresceu 7,1% em excesso proporcional para 1.130,5 milhões de francos suíços, o que ditou um resultado recorde. Em linha com essa evolução, novos recordes foram, também, alcançados: lucro líquido de 825,1 milhões de francos suíços (+8,8% comparado o período anterior) e fluxo de caixa livre operacional de 1.259,4 milhões de francos suíços (+22,7%).

Sika Thomas Hasler
Thomas Hasler, CEO da Sika a partir de 1 de maio de 2021

Paul Schuler, (ainda) CEO da Sika, frisou que “para alcançarmos o sucesso que tivemos no ambiente de mercado particularmente desafiador no último ano fiscal, devemos, acima de tudo, agradecer aos colaboradores que temos. O forte foco no cliente e a dedicação impressionante de todos, juntamente com o nosso modelo de negócio de sucesso, contribuíram, significativamente, para a resiliência do grupo perante a pandemia de covid-19”.

E acrescentou que “os negócios de distribuição e de renovação foram especialmente resistentes à crise em 2020. No futuro, o forte crescimento da procura por produtos ecologicamente corretos contribuirá para o desenvolvimento positivo da nossa atividade. A Sika é líder global em soluções para construção sustentável e mobilidade sustentável. Hoje, grande parte do nosso volume de vendas deve-se a tecnologias que asseguram benefícios de sustentabilidade para clientes, ambiente e sociedade”.

A Sika é uma empresa de especialidades químicas com uma posição de liderança no desenvolvimento e produção de sistemas e produtos para colagem, selagem, amortecimento, reforço e proteção nos setores da construção e automóvel. Tem filiais em 101 países e produz em mais de 300 fábricas.

Secção patrocinada por empresas que apoiam jornalismo de qualidade
Standox_banner_865x175

artigos relacionados

Últimas

Atualidade

Atualidade

Repintura