powered by

RPL Clima: 21 anos, 21 factos

Hoje, 17 de janeiro de 2021, a RPL Clima cumpre, oficialmente, 21 anos. São mais de duas décadas a regular a temperatura do aftermarket. Aqui ficam 21 factos relacionados com a empresa liderada pela dupla Rui Pedro e Rui Lopes.

A história da RPL Clima começou a escrever-se a 17 de janeiro do ano 2000. Faz hoje, precisamente, 21 anos. Rui Pedro e Rui Lopes, que trabalharam juntos numa empresa de climatização em Leiria, viram uma oportunidade no sul do país e abriram, em Ferreiras, freguesia do concelho de Albufeira, no Algarve, a RPL Clima, num espaço de 80 m2 (veja o vídeo comemorativo aqui).

Era o início de um percurso que conta já com mais de duas décadas de existência. E feito sempre com a temperatura bem regulada. Até porque a dupla que gere os destinos da empresa nunca dá um passo em falso, primando sempre pela ponderação e coerência.

Especialista em climatização automóvel e frio de transporte, a RPL Clima mudou-se, em 2005, para a zona industrial de Vilamoura, passando a ocupar 600 m2 de área. Mas, em janeiro de 2017, deu-se uma nova mudança, em virtude de a empresa necessitar de maior stock para reunir novos argumentos junto dos três maiores fabricantes de compressores OEM que representa: Sanden, Denso e Delphi.

Com mais de 1.300 clientes ativos, a RPL Clima só vende a profissionais. Deste modo, consegue “proteger” quem lhe compra. O que importa é proveniente da Europa, Ásia e América, sendo, depois, descarregado, classificado, etiquetado e armazenado. Uma vez processadas, as encomendas são expedidas para todo o país (ilhas incluídas), demorando, no continente, não mais de 24 horas a chegar ao destino.

Há 21 anos, em Ferreiras, com 80 m2

Importância, assumem, também, as operações de exportação. A RPL Automotive Parts (até 2017 RPL Clima 2), “braço” internacional da RPL Clima, tem clientes em Espanha, França, Inglaterra, Polónia, Angola, Moçambique, Cabo Verde e Mauritânia.

Em 2015, nasceu a marca própria RPL Quality, cujos componentes são produzidos por fabricantes de topo, permitindo à empresa algarvia, desta forma, competir num nicho de mercado, ou seja, junto de clientes que, não abdicando da qualidade, preferem preços mais acessíveis.

Hoje, são 1.200 m2 em Vilamoura

E se existe área que a empresa de Vilamoura também não descura, é a digital. Tanto mais, que dispõe de duas plataformas B2B (nacional e de exportação), onde o cliente pode identificar a peça (pela referência original ou através do modelo da viatura), consultar a disponibilidade de stock e fazer a encomenda.

Embora a pandemia tenha afetado o negócio, a RPL Clima mantém-se inabalável nas suas convicções. Continuará, como até aqui, a regular a temperatura do aftermarket.

Até porque, como faz questão de frisar, o tempo é o seu principal vendedor. Anos de muito calor, são anos de muito trabalho. Em anos mais amenos, as vendas não são tão fluidas.

Secção patrocinada por empresas que apoiam jornalismo de qualidade
SKF_logo300x150_mATA_store_300x150_m2Checkup_club_300x150_finalFUCHS_logo_300x150_mimporspeed_300x150liquimoly_300x150_m

artigos relacionados

Últimas

Pesados

Repintura