powered by

“O meu sentido estético está interligado com a transparência que tenho com a vida”, afirma Nuno Durão

A Pro4matic celebra 15 anos, prepara-se para inaugurar um edifício e iniciar um programa de formações Arnott. Ocasião ideal para conversar com Nuno Durão, CEO da empresa.
Fotos
Check-up Media Nuno Durão Pro4matic

A Pro4matic continua a marcar tendências no aftermarket nacional. Além do verdadeiro “tratado” arquitetónico das suas instalações e do (já muito propalado) branco imaculado que caracteriza a oficina Pro4matic Car Service, a empresa de Coimbra tem crescido, ano após ano, de mãos dadas com o maior fabricante do mundo de suspensões pneumáticas, a Arnott, que representa, em exclusivo, para Portugal.

Num ano em que celebra década e meia de existência, a empresa prepara-se para inaugurar um edifício e dar início a um programa de formações com a chancela Arnott. O Check-up conversou com Nuno Durão, fundador e CEO da Pro4matic, empresa que gosta de ser “transparente”.

De que forma tem a relação com a Arnott contribuído para o sucesso da própria Pro4matic?

O fabricante Arnott que representamos, em exclusivo, para Portugal, foi a marca com que iniciámos o nosso percurso, continuando a ser muito importante para nós. Temos um enorme carinho numa relação de 15 anos com o fabricante. O sucesso, felizmente (e com muito orgulho), tem sido bilateral.

O que distingue o portefólio da Arnott na área das suspensões pneumáticas face às marcas concorrentes?

A Arnott é considerada o maior fabricante do mundo de suspensões pneumáticas e detém o maior número de referências do mercado, até porque dedica-se, em exclusivo, às suspensões pneumáticas.

Consideras que o cliente Arnott está bem informado? Consegues caracterizar o seu perfil?

Considero que o cliente Arnott está bem informado, até porque tem acesso a todos os detalhes do produto online. Sendo informado, é um cliente que procura a qualidade e o serviço ao melhor preço.

Que serviços ou vantagens oferece a Pro4matic aos proprietários de veículos que utilizam produtos Arnott?

A Pro4matic, como representante da Arnott em Portugal, tem o “cordão umbilical” muito curto, o que nos permite ter uma autonomia quase a 100% com a marca Arnott.

Costumas utilizar a expressão “O sucesso dá muito trabalho”. Consideras-te uma pessoa realizada?

Considero-me uma pessoa altamente realizada, mas continuo sempre “preocupado” em fazer mais pela empresa e pelas pessoas que trabalham comigo. Sem essa preocupação, corremos o risco de estagnar.

A arquitetura única e branca da oficina Pro4matic Car Service continua a impressionar todos quantos a visitam – ou veem as imagens. Podes revelar-nos um pouco mais sobre a forma como tens aplicado o teu sentido estético em cada detalhe da empresa?

O meu sentido estético está inteiramente interligado com a transparência que tenho com a vida e que quero transmitir ao cliente, à forma como gosto de receber e fazer as pessoas sentirem-se confortáveis. Com estas instalações, quis apenas tornar o setor mais sexy.

“Considero-me uma pessoa altamente realizada, mas continuo sempre 'preocupado' em fazer mais pela empresa e pelas pessoas que trabalham comigo”

Já equacionaste uma carreira paralela como arquiteto?

Já foi equacionado… mas não era compatível. Mas já tenho o prazer nos projetos que vou fazendo. Vai nascer o segundo edifício este ano.

Como é que a Pro4matic mantém os seus clientes atualizados sobre as últimas inovações e tecnologias relacionadas com suspensões pneumáticas Arnott? Há um diálogo constante com parceiros e clientes? 

Os nossos clientes recebem as nossas newsletters, emails e acompanham o nosso website e redes sociais. Este ano, também está agendado iniciar as nossas formações Arnott.

O portefólio da Pro4matic está longe de se resumir apenas à Arnott. Com que “carinho” abraças as marcas BILSTEIN, AMK, WABCO, Dunlop Systems and Components e AccuAir?

Abraçamos com igual carinho e vontade. A grande diferença é a gama de produtos e o próprio mercado.

Se pudesses voltar atrás, corrigirias alguma coisa a nível profissional? Ou farias tudo exatamente da mesma forma?

Fazia de forma diferente, mas com o mesmo propósito e objetivo. É fruto do conhecimento que obtemos com o nosso crescimento. Fazer tudo exatamente da mesma forma seria redutor.

Check-up Media Pro4matic
Atendendo à constante evolução da indústria automóvel, quais são os planos da Pro4matic para continuar na vanguarda e responder aos clientes que procuram uma suspensão pneumática de elevada qualidade?

A Pro4matic é especializada na distribuição de suspensões pneumáticas, mas a suspensão está interligada com outros componentes, nomeadamente braços de suspensão e chassis. Por isso, fomos eleitos pela Amity AP para representar o fabricante, em exclusivo, para Portugal.

O patrocínio a torneios de Padel e a eventos de drift permite levar o nome da Pro4matic mais longe e a um público mais vasto. O apoio a projetos – do desporto, à confraternização e à paixão automóvel – é para continuar?

Sim, é para continuar a apoiar o desporto e eventos, porque, assim, contribuímos, também, para a união das pessoas.

Qual o balanço da atividade da Pro4matic em 2023?

O balanço de 2023 é muito positivo. Ficámos com algumas representações em exclusivo e tivemos um crescimento nacional e internacional, que nos fez obter um acréscimo total de 28%.

O que esperar da empresa que lideras para 2024?

2024 será um “ano Pro4matic”. Vamos ter um novo edifício. Estamos muito motivados em fazer mais e melhor. Logo, esperamos obter melhores resultados.

Últimas

Atualidade

Internacional