powered by

Escape Remus para MINI John Cooper Works GP: qual mobilidade elétrica…

A Remus, representada em Portugal pela Q&F, desenvolveu uma linha de escape para o MINI JCW GP F56. O futuro do automóvel pode ser elétrico, mas ainda é a gasolina que faz vibrar.

Sediada na Áustria, a Remus, marca representada, em Portugal, pela Q&F, desenvolveu uma linha de escape em aço inoxidável para o MINI JCW GP F56, equipado com motor turbo de 2,0 litros, cuja potência é superior a 300 cv (dispõe de filtro de partículas a gasolina).

A construção deste sistema para o pequeno desportivo da marca britânica, pertença do Grupo BMW, recorre aos componentes mais leves do mercado, permitindo, assim, quer um aumento de potência, quer, também, do binário, sem esquecer a afinação acústica, cunho da casa austríaca.

O visual também não foi descurado. Até porque a Remus disponibiliza um total de cinco ponteiras, onde a maior dificuldade será mesmo escolher a mais apelativa. “Escape em aço 100% inoxidável, dotado de som poderoso, permite aumentar a potência e o binário do motor, tem construção ultraleve e é fabricado na Áustria”. É, desta forma, que a empresa especialista em racing e performance caracteriza o novo sistema de escape Remus para o MINI JCW GP F56.

Mais sobre a Q&F aqui.

Secção patrocinada por empresas que apoiam jornalismo de qualidade
WRX WolfMF Pinto Import. export peças, S.A.Logo_Mcnur_300x150ImporfaseChampion Lubricantsliquimoly_300x150_m

artigos relacionados

Últimas

Atualidade

Atualidade

Repintura