powered by

Atenção cibernautas: burlas online dispararam 71% em janeiro

O Portal da Queixa fez uma análise ao volume de reclamações recebidas relacionadas com burlas online. Em janeiro, a média registada foi de 20 por dia, mais 71% do que em igual mês de 2020.

É o resultado do crescimento verificado no digital. Mais utilizadores geram mais fraudes. O Portal da Queixa fez uma análise ao volume de reclamações recebidas relacionadas com burlas online. Em janeiro de 2021, a média foi de 20 reclamações por dia (total de 621 queixas), o que traduziu um aumento de 71% face a janeiro de 2020.

Os dados recolhidos apontam para perdas avultadas dos consumidores, com o valor total a ultrapassar os 100 mil euros, só em janeiro deste ano. “É urgente promover a literacia digital dos portugueses”, defende o Portal da Queixa, que tem em marcha a campanha #NãoSejasPato, que visa informar para os perigos online e potenciar o consumo seguro na Internet.

No âmbito da semana que celebra o “Dia da Internet Mais Segura”, o Portal da Queixa fez uma análise às reclamações recebidas por burlas online. Ao longo de 2020, foram registadas 5.786 reclamações relacionadas com fraudes na net, um aumento de 69% face a 2019, onde foram apresentadas pelos consumidores 3.415 queixas.

Relativamente a 2021, a análise das reclamações do mês de janeiro e a respetiva comparação com o período homólogo do ano passado, revela um crescimento exponencial do número de queixas: 71%.

“O aumento da procura através dos canais digitais por parte dos consumidores, é uma tendência que veio para ficar, criando pressão sobre as marcas ao exigirem a digitalização da grande maioria dos seus serviços. Esta nova realidade potencia os perigos que se escondem nas compras online
Portal da Queixa Pedro Lourenço
Pedro Lourenço
CEO & Founder do Portal da Queixa by Consumers Trust

Em janeiro deste ano, a maior plataforma global de comunicação entre consumidores e marcas do país recebeu 621 reclamações, sendo que, em janeiro de 2020, foram registadas apenas 363 queixas.

O confinamento da sociedade e as restrições de circulação impostas pelo atual contexto pandémico fizeram disparar as compras online. E há quem se aproveite desta situação para cometer burlas cibernéticas.

Atento à nova sociedade digital que está a emergir e a pensar na defesa dos consumidores portugueses, o Portal da Queixa lançou, no final de 2020, a campanha #NãoSejasPato, que pretende aumentar a literacia digital da população e evitar que esta caia em burlas e esquemas fraudulentos.

Este movimento cívico nacional de educação para o consumo digital integra como entidades parceiras do projeto o OLX, o MB WAY, a Worten, os CTT, o KuantoKusta e o euPago.

Secção patrocinada por empresas que apoiam jornalismo de qualidade
SKFATA_store_300x150_m2liquimoly_300x150_mLogo_Mewa_300x150FUCHS_logo_300x150_mimporspeed_300x150

artigos relacionados

Últimas

Pneus

Internacional