powered by

Apple prepara-se para fabricar automóvel autónomo já em 2024

E se a Apple deixar de fornecer a indústria automóvel e avançar para o fabrico de um modelo próprio? O projeto começa a ganhar forma e comenta-se que a bateria será muito superior.

Há muito que a Apple “deixava escapar” informações sobre o seu interesse em avançar para a construção de um automóvel 100% elétrico em nome próprio. Mas aquilo que eram rumores ganha forma e até já existe uma data, 2024, para que o fornecedor tecnológico da indústria automóvel se assuma como fabricante.

Segundo o jornal Economic Daily News, de Taiwan, o projeto estará já em fase adiantada, em matéria de pesquisa e desenvolvimento, e terão, inclusivamente, começado os testes de estrada, contrariando as informações que davam conta de que o modelo do criador do iPhone estaria definitivamente arquivado.

Mas as notícias não são apenas de Taiwan. A agência Reuters também avança que o Titan Project, de 2014, nome do projeto que daria origem ao Apple Car, continua vivo e na agenda do gigante tecnológico. Experiência em comunicação eletrónica e na produção de sistemas de ponta para a condução autónoma não lhe faltam. E será um trunfo considerável daqui a quatro anos.

De acordo ainda com a agência Reuters, o modelo 100% elétrico da Apple ganha força graças ao forte desenvolvimento das baterias, que a marca anuncia como bastante inovadoras, capazes de oferecer autonomias superiores e muito mais acessíveis do que as atuais. A explicação reside no novo design que a Apple estará a trabalhar.

Do pouco que ainda se sabe sobre a natureza da mesma, a Reuters cita uma fonte próxima da Apple para dar conta de que se trata de uma bateria de fosfato de ferro-lítio (LFP), sem cobalto, para redução dos custos, numa configuração do tipo “monocélula”, a permitir um aproveitamento mais eficiente do espaço disponível.

“Será uma bateria de outro nível, de outro patamar. Será como a primeira vez que vimos um iPhone”, afirma. Neste contexto, especula-se ainda sobre uma alegada sinergia entre a Apple e a Magna International, com vista à produção do Apple Car, dentro dos próximos quatro anos.

Secção patrocinada por empresas que apoiam jornalismo de qualidade

artigos relacionados

Últimas

Pesados

Repintura